Quarta internação, fome desnecessária e pegadinha do malandro.

Segunda-feira, depois de chegar em casa fui fazer a sondagem antes de dormir e para minha surpresa, percebi sangue seco na fralda. Como já sou gato mais que escaldado, pedi uma segunda opinião de alguém que conhece minha bunda melhor do que eu, a mamãe, é claro, e ela confirmou minha primeira suspeita: a escara reabriu e eu tinha dois cus de novo.

Terça-feira pela manhã já estávamos eu e mamãe no Pronto Socorro do São Luiz (de novo), e após avaliação de dois dois especialistas (sério, porque sempre aparece tanta gente pra olhar a minha bunda?) foi decretado que eu ficaria internada (de novo) e precisaria fazer debridamento (de novo) porque a pele que estava por cima estava morta, e eles não queriam mexer no curativo ali, sendo melhor fazer isso no centro cirúrgico.

Ok, seguimos então para a sala de repouso, esperando liberar o quarto. Nessa, fiquei das nove e meia da manhã até as seis da tarde. Mesmo. Sem telefone, sem sinal de celular, sem internet, com o ar condicionado ligado no talo e nem mesmo lanche da tarde pra me deixar feliz. A mamãe até pegou um resfriado pela junção do ar gelado + duas tias que não paravam de tossir por um minuto e proliferaram seus micróbios por toda ala.

Imagem
Eu, radiante com a unica réstia de felicidade neste lugar: meu almoço.

Finalmente subimos pro quarto, situado no segundo andar, número 217, Foi ali que passei momentos de alegria, como só terem me furado duas vezes pra pegar o acesso, a vinda da janta, a vinda do lanche da noite… Mas foi ali que passei por maus momentos, tipo a noticia de ter que ficar em jejum por causa da possível cirurgia do outro dia, ver a Amanda comendo do meu lado enquanto eu estava passando fome, precisar pegar um novo acesso já que os enfermeiros da madrugada não lavaram o acesso quando a bolsa de soro acabou, entupindo tudo… Alias esse novo acesso que nem precisava ter sido puncionado, já que momentos depois o meu querido dr. Mauricio, cirurgião do meu popô chegou e me deu alta.

Isso mesmo, eu tive alta. Alta. Segundo ele, o que aconteceu no meu bumbum foi um descolamento da pele e para tratar disso não era preciso ter me deixado internada já que é normal na recuperação de uma escara acontecerem coisas estranhas na minha bunda. Ele passou orientações para curativos, mandou eu hidratar muito a pele (com um oferecimento dos cremes Monange) e repouso obrigatório por uma semana, sem aula ou trabalho, até a pele firmar.

Agora, precisava os médicos do PS terem me deixado com impressão que minha bunda ia descolar do resto do meu corpo e sumir por ai? Ou sei lá, coisa pior? Se eles não tivessem feito toda essa confusão, eu não precisaria ter passado fome, ter enfrentado agulhas e desfilado meu popozão por ai. Nem vou entrar no mérito das custas de uma internação para o hospital, é claro.

Imagem
Opinião dos especialistas na minha bunda (VOCÊS!) do porque os médicos do PS me internaram de novo.

Antes de ir embora, fugi para o quarto andar, meu reduto favorito e fui encontrar com a Leila e o Thiago, que ficaram tão indignados quanto eu de terem me colocado em outro andar se não ali, sob os cuidados deles. Até quem me vê lendo o jornal na fila do pão sabe que sou a garota do quarto andar, e não do segundo andar.

Até o meio da semana que vem ficaremos eu e meu popô aqui, deitados de barriga pra baixo esperando que tudo se recupere bem. Obrigada aos fotos de melhoras para nós e à Patricia e Amanda, que como boas melhores amigas foram me fazer companhia e roubar a minha comida.

Até a próxima!
(SÓ QUE NÃO!)

Anúncios

Uma opinião sobre “Quarta internação, fome desnecessária e pegadinha do malandro.”

  1. Criança…já conversamos sobre isso, jurisdição é jurisdição, e competência é competência!!!Eles avaliaram desprovidos dessas duas fundamentais premissas!!!Não eram cirurgiões plásticos (logo não lhes cabia competência, para que então te mandassem cuidar do popozão em casa), e como não eram detetores do diagnóstico correto por falta de competência, obviamente, eles não tinham jurisdição para prosseguirem!!! TRADUZINDO : EXCESSO DE ZELO!!!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s