Hospital – amor e ódio.

Tentando decidir sobre o que escrever no Twitter, falei que sofria de um fetiche por hospitais. A questão é: não é exatamente um fetiche. E é. Vou tentar explicar…

Quando fiquei internada, recebi atenção, ganhei lanches do Mc Donald’s, brinquedos e ainda por cima a comida do hospital era boa. As enfermeiras me paparicavam e me tratavam super bem. Os médicos me adoravam. Eu podia assistir televisão o dia inteiro, nada de lição de casa, e meus amigos iam me visitar. Resumindo: foram férias forçadas e com vários benefícios adicionais. Isso fez com que eu criasse uma ideia de que hospitais são sim, um bom lugar para passar um dias (percebam aqui que eu mais acho que hospitais são resorts cinco estrelas, do que hospitais em si).

Também não sou doida. Sei que ser internada significa que vão arrancar um pedaço de mim, e/ou mais titânio pra juntar pedaços, e/ou quebrei algo que não deveria, de novo. E vão enfiar agulhas em mim. E exames e mais exames. Não são a especificação de passa-tempo preferido por mim. Na maioria das vezes ou se está perto de morrer, ou se esteve muito perto de morrer.

E não é por achar que hospitais são ótimos para ficar umas semanas, que vou arrumar uma mala agora e ir para um. Alias, tenho até fugido bastante de hospitais e quaisquer coisa do tipo. Mas não me peçam para odiar um lugar onde me perguntam que sabor de gelatina vou querer de acompanhamento. 

Anúncios

4 opiniões sobre “Hospital – amor e ódio.”

    1. na verdade não é porque você tá internado que nao pode comer Mc, você só precisa comer coisas diferenciadas se o seu problema tem alguma relação com doenças gastricas ou é diretamente afetado pela sua alimentação. Como no caso dela foi “só” a quebra da coluna, ela podia comer mc de vez em quando, desde que ainda se alimentasse de produtos ricos em vitaminas que ajudam na regeneração dos tecidos e ossos (momento orgulho quando vc percebe que depois de terminar o tecnico a 4 anos, vc ainda lembra de algo \o\)

      No mais, eu que me deliciei com a comida já que ela quase nao comia e o rango de lá era sensacional \o\

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s